ALERTA VERMELHO: Inmet sinaliza nova onda de calor de grande perigo para nove estados; veja locais

O alerta vermelho é valido até domingo (24). — Foto: Reprodução/INMET

Foto: Reprodução.

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um alerta vermelho de “grande perigo” devido ao calor excessivo, com temperaturas máximas 5°C acima da média do mês, por mais de 5 dias.

Ao todo, são nove estados sob alerta, entre eles: Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, São Paulo, Mato Grosso, Pará, Goiás, Mato Grosso do Sul e Tocantis.

O alerta vermelho é valido até domingo (24). — Foto: Reprodução/INMET

O alerta é válido até as 18h de domingo. Quando se trata de um alerta vermelho, segundo o Inmet, é esperado um “fenômeno meteorológico é de intensidade excepcional, com grande probabilidade de ocorrência de grandes danos e acidentes, com riscos para a integridade física ou mesmo à vida humana”.

Os comunicados do Inmet ocorrem quando o Centro-Sul do país vive uma onda de calor atípica. Ela vai chegar ao ápice, com prováveis recordes, no fim de semana. A elevação dos termômetros tem relação direta com o El Niño muito mais rigoroso neste ano e com a Crise do Clima (causada pela emissão de gases de efeito estufa), que torna os eventos climáticos extremos mais comuns.

Cuidados básicos

O calor excessivo diminui a umidade relativa do ar, o que pode levar a problemas respiratórios, ressecamento da pele, desconforto nos olhos, boca e nariz.

O órgão orienta que as pessoas bebam bastante líquido, não façam atividades física, evitem exposição ao sol em horários mais quentes do dia, usem hidratante para pele e umidifiquem o ambiente.

A onda de calor

O país vive mais uma onda de calor, com dias ensolarados e temperaturas acima do normal para o período. Isso está acontecendo porque um bloqueio atmosférico está impedindo a chegada de frentes frias nos próximos dias, comuns para o período.

Segundo os meteorologistas, o ápice de todo esse calor está previsto mesmo para o próximo final de semana, entre os dias 23 e 24 de setembro, com destaque para as capitais Curitiba, São Paulo e Rio de Janeiro, quando novos recordes de calor podem ser estabelecidos, segundo a Climatempo.

No mapa abaixo, os estados com trechos em laranja podem ter temperaturas até 5 graus acima do normal para o mês de setembro. Nos trechos em vermelho, as temperaturas podem ficar até 10 graus acima das que costumam ser verificadas no mês.

Final do inverno pode ter recordes de temperatura no país — Foto: Arte g1

Final do inverno pode ter recordes de temperatura no país — Foto: Arte g1

Bloqueio atmosférico

Tecnicamente, os meteorologistas explicam que há uma área de alta pressão no centro do país que está ganhando força e que já forma um “bloqueio atmosférico”, que impede a entrada das massas de ar frio. Apesar disso, há previsão de chuvas no Sul do Brasil.

A semana será bastante típica do El Niño, pois o bloqueio atmosférico “segura” as frentes frias na região Sul, formando mais temporais no centro-sul gaúcho.

G1



Fontes – Link Original

5/5

Compartilhe nas suas Redes Sociais

Facebook
Twitter
WhatsApp

Parceiros TV Florida

TV Florida USA – A sua TV Brasileira nos Estados Unidos

Registre-se

Registre-se para receber atualizações e conteúdo exclusivo para assinantes

Entretenimento

Noticias Recentes

@2023 TV FLORIDA USA