Parada Gay em SP tem bloco com ‘crianças trans’ – Paulo Figueiredo

Vídeo mostra público infantil ‘uniformizado’ no evento voltado ao público LGBT.

Durante a Parada Gay deste domingo, 2, que ocorre na Avenida Paulista, em São Paulo, um bloco de “crianças trans” se apresenta. No local, há crianças e adolescentes “uniformizados” com as cores da bandeira trans, rosa e azul.

Também é possível ver um homem vestido de borboleta em cima do que parece ser um caixote. No bloco, há faixas e estandartes com os dizeres “crianças e adolescentes trans existem”.

“Tô aqui acompanhando as imagens da Parada LGBTQIA+ em SP e neste ano enfiaram um bloco inteiro de “crianças trans” com um cara travestido de borboleta em meio as cores rosa claro e azul claro… aí se falar que tem alerta do FBI qto a esse simbolismo, a processada serei eu… F*** “- Steh Papaiano – X

Reprodução – X

Presidente de ONG de crianças “trans” comparece à Parada Gay

A presidente da Organização Não-Governamental (ONG) “Minha Criança Trans”, Thamirys Nunes, também foi à Parada Gay. Em suas redes sociais, ela publicou um vídeo em que fala que existe uma “invisibilidade” de “crianças trans”.

“Vivemos um cenário de inviabilização e de pessoas que insistem em dizer que nossos ‘filhos, filhas e filhes’ não existem e que devem voltar ao armário”, afirmou a influenciadora. Ela, que é agenciada pela Mynd8, afirma ser mãe de uma “criança trans” de 9 anos.

Em seu perfil no Instagram, a ONG publicou um vídeo que mostra o bloco de “crianças trans” e uma bandeira nas cores rosa e azul com a frase “crianças trans existem”.

A ONG pede, nas redes sociais, uma “contribuição voluntária” por meio de uma chave Pix. A publicação afirma que a participação da entidade na Parada Gay é uma maneira de “lutar pelos direitos dos nossos filhos e filhas”.

Essa é a 28ª Parada do Orgulho LGBT+. O evento costuma reunir milhares de pessoas e promove atrações. Em razão das obras do metrô na Avenida Paulista, a Parada Gay ocorre no lado ímpar da via pela primeira vez na história. Os acessos estão livres pelas ruas Haddock Lobo e Bela Cintra, bloqueadas para o tráfego de veículos.

Em 2023, Parada Gay também teve bloco sobre “crianças trans”

Não é a primeira vez que há um bloco sobre “crianças trans” na Parada Gay. A participação nesse sentido já havia ocorrido no ano passado. A organização de Thamirys Nunes fez a mesma aparição, com fotos de 2023. A ONG também exibiu o mesmo estandarte de “crianças trans existem”.

Source link

Fontes – Link Original

5/5

Compartilhe nas suas Redes Sociais

Facebook
Twitter
WhatsApp

Parceiros TV Florida

TV Florida USA – A sua TV Brasileira nos Estados Unidos

Registre-se

Registre-se para receber atualizações e conteúdo exclusivo para assinantes

Entretenimento

Noticias Recentes

@2023 TV FLORIDA USA