Apesar de ser demitida por Lula, Ana Moser diz que culpa foi da direita

Foto: Ricardo Stuckert.

A ex-ministra do Esporte Ana Moser culpou a direita e a sociedade por sua demissão do governo federal, ocorrida na última quarta-feira (6). Em seu lugar, o deputado-federal André Fufuca (PP-MA) foi nomeado como novo chefe da pasta em uma negociação entre o Palácio do Planalto e o centrão.

Para Moser, as mulheres que faziam parte do governo de Luiz Inácio Lula da Silva são vítimas de um comportamento abusivo, violento e misógino, que é uma característica presente em nossa sociedade.

“Todas as mulheres sofrem isso nessa gestão desde o início, especialmente da direita”, diz a ex-atleta profissional. “Existe essa estratégia de atacar e diminuir a credibilidade e a capacidade das mulheres”, disse Ana entrevista concedida ao UOL News, na sexta-feira (8).

Comentado a troca, ela afirmou compreender a decisão de Lula em diminuir a participação feminina em seu governo. “Não são decisões fáceis para o presidente. É uma busca, é a arte da política de buscar o equilíbrio e de maneiras de avançar”, disse.

Ela também falou sobre os “ataques” feitos a primeira-dama Janja da Silva, nas redes sociais.

“Ela [Janja] tem uma figura muito mais a frente em termos de imagem e visibilidade, um alvo maior ainda desse assédio, essa violência, essa misoginia que é uma característica da nossa sociedade, assim como racismo e as populações indígenas. A sociedade brasileira tem essas questões que se manifestam de várias maneiras”, afirmou Ana.

Negociação com o centrão

Para buscar apoio político no Congresso, Lula formulou uma reforma ministerial para agregar partidos do centrão, como PP e Republicanos. Além de Fufuca, o deputado federal Silvio Costa Filho (Republicanos-PE) também foi nomeado para uma pasta no governo. Ele ficará responsável pelo Ministério de Portos e Aeroportos, que era comandado por Márcio França (PSB).

O partido do presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL) também comandará a Caixa Econômica Federal. Já o Republicanos negocia com o governo Fundação Nacional da Saúde (Funasa).

Fonte: Gazeta do Povo.



Fontes – Link Original

5/5

Compartilhe nas suas Redes Sociais

Facebook
Twitter
WhatsApp

Parceiros TV Florida

TV Florida USA – A sua TV Brasileira nos Estados Unidos

Registre-se

Registre-se para receber atualizações e conteúdo exclusivo para assinantes

Entretenimento

Noticias Recentes

@2023 TV FLORIDA USA