Menina passa por cirurgia para retirar feto de irmão gêmeo do crânio

Menina passa por cirurgia para retirar feto de irmão gêmeo do crânio




Uma menina chinesa de 1 ano passou por uma cirurgia delicada para retirar o feto de seu irmão gêmeo do cérebro. O embrião ficou alojado no crânio da criança enquanto ambos se desenvolviam no útero da mãe, em uma condição extremamente rara, conhecida como fetus in fetu (gêmeo parasitário).

O caso foi registrado por médicos do Huashan Hospital, ligado à Universidade Fudan, na revista Neurology, da Academia Americana de Neurologia.

De acordo com os médicos responsáveis pelo procedimento, o feto foi descoberto quando os pais da menina procuraram o hospital para investigar porque a criança tinha o volume da cabeça aumentado e apresentava dificuldades motoras.

Imagens de tomografias computadorizadas mostraram que o feto, de aproximadamente 10 centímetros de comprimento, tinha desenvolvido os membros superiores, ossos e unhas, o que sugere que ele cresceu por alguns meses enquanto ainda estava no útero da mãe.

Os médicos não informaram o estado de saúde da paciente após a cirurgia ou se ela sofrerá sequelas a longo prazo.

Fetus in fetu

A anomalia consiste no desenvolvimento de um resquício de embrião ou feto dentro do corpo do irmão gêmeo. Existem 200 casos documentados em todo o mundo. Apenas 18 deles ocorreram dentro do crânio.

“O fetus in fetu intracraniano surge de blastocistos não separados. As partes unidas se desenvolvem no prosencéfalo do feto hospedeiro e envolvem o outro embrião durante o dobramento da placa neural”, explica o neurologista do Huashan Hospial, Zongze Li, no artigo.

Leia também:

Fonte Terra

5/5

Compartilhe nas suas Redes Sociais

Facebook
Twitter
WhatsApp

Parceiros TV Florida

TV Florida USA – A sua TV Brasileira nos Estados Unidos

Registre-se

Registre-se para receber atualizações e conteúdo exclusivo para assinantes

Entretenimento

Noticias Recentes

@2023 TV FLORIDA USA